Voltar para notícias

Compartilhar


Lançamento oficial da GIBICON

Lançamento oficial da GIBICON


Muito mais do que você poderia esperar de um evento de quadrinhos - saudando o novo, o independente e o talento em ascensão.

 Vi sobre a GIBICON há dois anos atrás, me interessei ligeiramente e ficou por isso mesmo. Esse ano, meu interesse me levou a buscar maiores informações e logo descobri de que haveria um "pré-evento" afim de lançar oficialmente algumas das atrações do real evento. Honestamente, não sabia muito bem o que esperar - talvez eu estivesse pré-condicionada a achar que tratava-se de uma mini ComicCon, mas não é nada perto disso.
A GIBICON (que, hoje, passou oficialmente a se chamar Bienal de Quadrinhos de Curitiba) trata-se de um evento que, justamente, propõe uma fuga ao lugarcomum de eventos de quadrinhos. A ideia é trazer diversas linhas de quadrinhos para que o público consiga ter um contato com a mídia em si e com os artistas responsáveis pelas obras. Eu posso me considerar uma mera leiga nesse assunto, e mesmo assim me senti empolgada e envolvida por tudo o que foi apresentado, por isso eu digo que, a proposta de trazer à tona artistas, estéticas e ideias inovadoras, fazendo com que novos leitores sejam alcançados, já está funcionando ! 
Durante o evento de lançamento, os curadores da Bienal fizeram suas apresentações explicando os próprios pontos de vista sobre o que o evento trazia de diferente e seus propósitos. Pude notar que a proposta inovadora e inclusiva estava unanimente no discurso de cada um deles. Muito se falou sobre o quanto outros eventos de quadrinhos já atendem a demanda de apresentação dos quadrinhos norte-americanos e asiáticos - e atendem muito bem. Contudo, e o que se produz no nosso país ? E o que se produz outros lugares remotos, os quais a cultura pop ignora ? 
No geral, o evento sugere uma vizualização dos quadrinhos fora do nicho limitado - limitação essa impregada pela cultura atual. Poder integrar mídias - dentre quadrinhos, teatros, música, cinema - também é importante para essa nova cosmovisão. Deixando um pouco de lado o clássico quadrinho europeu e dando lugar aos de produção independentes, de crítica social, indies...

 

Além de trazer muitos artistas, para exposições originais, o eventro trará oficinas, debates e mesas redondas - justamente para fomentar a ideia de integração do público com toda essa forma diferente de enxergar o cenário quadrinista no Brasil e no Mundo. 

Dentre os nomes internacionais anunciados hoje, já é confirmada a presença da cartunista Colombiana Power Paola, autora do livro "Vírus Tropical" (2011) - um livro auto-biografico, que passa por temas como família, amor, religião, etc... Bem como a israelita Rutu Modan, autora de A Propriedade (2015), um livro que a consagrou, trazendo temas como as questões políticas de Israel, guerra e história. O terceiro nome internacional confirmado no evento é o uruguaio Troche, autor de Desenhos Invisíveis (2013), conhecido pelo seu conceito de "quadrinho mudo", que utiliza do desenho limpo, sem usar palavras.
Já a lista anunciada de artistas nacionais é longa, e conta com : Laerte, Rafael Sica, Pedro Franz, Mateus Santolouco, Marcelo D Salete, Quintanilha, Rafael Corrêa, Biamca Pinheiro, Rogério Coelho, Pryscila Vieira, Solda, Lila Cruz, Shiko, Renato Guedes, Bruno Azevedo, Sirlanney, Marcatti, Roger Cruz, Luiz Gê, Andricio de Souza, João Pinheiro, Lovelove6, Adão Ituurusgarai, Allan Sieber, Arnaldo Branco, André Dahmer, Jaguar e Benício.
Os curadores deixaram claro que há na lista nomes conhecidos no cenário nacional, bem como Laerte, Adão Ituurusgatai e Benício, contudo, a maioria dos artistas convidados são cartunistas, vindos de todo o território brasileiro, cheios de talento, que não são tão con
hecidos, mas que merecem vizibilidade - e esse é o objetivo da Bienal de Quadrinhos de Curitiba. Além destes já confirmados, estão sob negociação mais artistas - tanto nacionais, quanto internacionais. 

Eu diria que me surpreendi ao entender a intenção do evento e estou extremamente ansiosa para setembro. Então, abramos nossa mente para o que é novo e sensacional, e que venha logo dia 8 de setembro - porque nós, do Portal Cultura Nerd & Geek estaremos lá :) 

Fonte: https://www.facebook.com/gibiconpage


Thaineh Souza

Autor: Thaineh Souza em 09/05/2016

"Em algum lugar, alguma coisa incrível está esperando para ser conhecida."


Você conhece a história do Dia Z?

Clique aqui e leia a versão completa da história!

Ajude-nos comprando aqui!
:-D

Assista o último vídeo

TragiTopSeven #04 - Baixistas Mais Virtuosos do Planeta